Olá, bem-vind@!

Quer participar e contribuir? Clique no botão "Cadastrar-se" se é sua primeira vez aqui. Se você já é um dos nossos, clique em "Entrar"

Mochilão Chile/Bolívia/Peru - 27/09/16 - 17/10/16

Falaaaa aí pessoal! Decidi compartilhar minha experiência com todos vocês! Em setembro do ano passado fiz um mochilão pela América do Sul! Moro em uma cidade do interior de SP então tive que começar a me planejar bem antes!
Comecei a me planejar com uns 5 meses de antecedência (pouco se for ver bem).
Como era meu primeiro mochilão eu fiquei meio nervosa e tentei colocar todos os planos, roteiro, idéias, em um papel! Queria ter a viagem 100% planejada! Mas meu, esquece, porque nunca vai dar pra ter 100% de controle, o gostoso mesmo é meter a cara e deixar acontecer, entao parei de tentar programar tudo!
Comprei minha passagem para o Chile e consegui fazer um esquema e comprar a passagem de volta partindo de Cusco-Lima e de Lima-SP, deu super certo.
Valor da passagem ida e volta: R$ 1225,00

No dia 27, peguei um ônibus da minha cidade (Itatiba) até Campinas, e de Campinas peguei outro ônibus até o Aeroporto de Guarulhos.
Chegamos no aeroporto era por volta do meio dia mais ou menos, fizemos o check in, despachamos nossas malas e fomos andar pra passar o tempo, já que nosso vôo estava marcado para as 16hs.
Total de gastos:
Passagens de ônibus R$ 53,00
Comida no aeroporto (caro) R$ 60,00

Beleza! Pegamos o avião, chegamos em Santiago as 20hrs, paramos no aeroporto Arturo M Benítez, como era noite e nao sabíamos direito como andar pela cidade, resolvemos passar a noite no aeroporto, e também porque sairia bem mais barato ja que não estávamos esbanjando dinheiro. No aeroporto fizemos a cagada de não levar pesos chilenos trocados, então tivemos que trocar uma pequena quantidade pra poder comer, foi uma facada claro!
Ficamos andando, olhando lojas, mas o cansaço bateu e procuramos um lugar pra poder pelo menos tirar um cochilo. Tinha uns bancos e por lá ficamos à noite toda!
Como não dormimos direito, sabíamos que o primeiro horários de ônibus que iria até o centro passava as 6 da manhã, então ficamos esperando do lado de fora, pegamos o ônibus e descemos na estação Alameda. Era mais ou menos perto do centro de Santiago então fomos andando, como não dá pra se ter muita noção de onde se está começamos a fazer um caminho bem doido, andamos por horas e não chegávamos a lugar nenhum. Até que resolvemos pedir um táxi pra nós deixar na Plaza das Armas, centro histórico de Santiago.
Descemos do táxi e fomos tomar café, e tentar procurar alguma zona de wifi pra procurar o endereço do Hostel em que pretendíamos nos hospedar (detalhe, nem tínhamos feito nenhuma reserva)
Graças ao bom Deus na praça tinha wifi. Pegamos a localização do Hostel e fomos andando por mais uns 40 min até lá!
Quando chegamos para a nossa sorte tinha acabado de desocupar duas camas!
O Hostel era o Lindo Chile, um lugarzinho bem aconchegante, com boa localização, e o melhor de tudo, é cheio de brasileiros que se hospedam e que trabalham lá! Fizemos dois parceiros brasileiros que nos davam dicas e coordenadas de como ir de um lugar pra outro haha
Estamos só o pó da rabiola, precisava tomar um banho e hibernar por no mínimo uns 50 dias. Mas só dormimos um pouco e já saímos para procurar casas de câmbio e comprar algumas coisas que estávamos precisando
Como no Hostel eles ofereciam o café da manhã, só tínhamos que nos preocupar com almoço e janta, mas tínhamos muitos miojos na bolsa (técnica infalível contra fome) comemos miojo por vários dias!
Nossa estadia em Santiago durou três dias, conhecemos alguns pontos turísticos, praças e museus, porém não aproveitamos mais a fundo. No dia 31 as 9hrs da manhã tínhamos que pegar o ônibus que saia do terminal Alameda para San Pedro de Atacama. Acordamos cedo, tomamos café e pé na estrada.
Gastos em Santiago
Comida: R$ 110,00
Hostel: R$ 90,00 (3 diárias)
Transporte: R$ 15,00

Próxima parada San Pedro de Atacama
Eu sempre tive vontade de conhecer um deserto, estava animada pra cac*
Pra chegar lá tem meios e meios de transporte, optamos claro pelo mais barato! Fomos de ônibus com a agência TurBus. Eram 24 horas de viagem, pensa na canseira, porque o ônibus fazia várias paradas pra entrada e descida de passageiros então foi bem cansativo, mas deu tudo certo! Nesse ônibus eles serviam ate lanchinho, uma beleza!
Partimos as 9hrs do dia 31, chegamos em SPA por volta das 8hrs do dia 01. Estávamos arrebentadas fisicamente e mentalmente. Outra vez estávamos desesperadas pra encontrar um Hostel e dormir!
San Pedro de Atacama é um vilarejo bem pequeno, não tem muitas ruas, nem mitas opções de hospedagem, todas as ruas são de terra, como na primeira foto abaixo.
Acabamos parando no primeiro Hostel que vimos, foi doido porque tinha uma brasileira que foi super simpática com a gente, tentou nos ajudar a conseguir a estadia porém só tinha um quarto disponível e era o mais caro então optamos por procurar outros. No meio do caminho encontramos um cara bem Locao em uma bike, ele estava entregando papéis de desconto pra quem se hospedasse no Hostel que ele trabalhava, fomos até o Hostel e gostamos tanto do lugar como do preço que eles ofereceram, fechamos a hospedagem e fomos descansar. Por ser uma cidade pequena e não ter muitos recursos era tudo um pouco caro, precisávamos comprar algumas coisas que faltavam então aproveitamos e fomos dar uma volta na cidade. Eles tem apensas uma farmácia, uma mini mercearia mais comum, muiiiitaaaaaaaas agências de viagem, duas casas de câmbio, uma feira bem legal de artesanatos, e uma igreja bem no centro onde fica a pracinha! É bem acolhedor o lugar.
Pelo clima seco comecei a ter problemas pra respirar, nesses casos não esqueçam de levar um soro fisiológico pra lavar o nariz, tive que comprar lá e não saiu muito barato nao!

Depois de xeretar a cidade fomos pro Hostel pra descansar pois no dia seguinte iríamos procurar agências de viagens e passeios pra fazer.
Dia seguinte .. Acordamos cedo, fizemos café e fomos andar, encontramos várias agências de tours, queríamos fechar com a mais em conta para o salar de Uyuni, e acabamos fechando o tour astrológico, praquele mesmo dia. Saímos as 21hrs da praça em direção ao deserto mesmo, estava muito frio, e como eu estava acostumada com o calor que fez durante o dia quase congelei durante a noite.
Pegamos uma van e fomos, chegamos em uma especie de observatório ao ar livre, eu juro que nunca vi nada tão lindo na minha vida, aquele céu parecia de mentira. Como estava tudo escuro era nítido o céu, planetas, estrelas, constelações, eu fiquei babando, de boca aberta, eis na segunda foto o que presenciamos! Tivemos praticamente uma aula de astrologia, com um especialista que ia mostrando todas as constelações, estrelas e planetas! Foi muito doido! E ainda fizemos tudo isso apreciando um bom vinho chileno que eles servem antes, durante e após a observação do céu nos telescópios fodas que tinham lá!
Voltamos pro Hostel, capotadas, e no dia seguinte precisávamos sem falta procurar agências pra fechar o salar, DICA IMPORTANTE: SEMPRE PECHINCHE, E SEMPRE DIGA QUE É BRASILEIRO, ISSO GERA DESCONTOS hahah
Fechamos o passeio nao com a agência mais em conta, mas com a que mais sentimos confiança, porque nesse caso não adianta pagar o preço mais barato e ter um rolê zuado, querendo ou não seriam 3 dias dentro de um carro, rodando pelo deserto e teria que ser no mínimo confortável (da melhor maneira possível) haha
Fechamos com a agência Atacama Conecxion, onde novamente trabalhava uma brasileira, que inclusive nos auxiliou bastante pra fazermos a troca de câmbio, e lá fomos nós. Segue na terceira foto o mapa do caminho que faríamos pelo deserto.
Gastos em SPA
Transporte TurBus:
Tour astrológico: R$ 40,00
Alimentação: R$ 50,00
Hospedagem: R$ 90,00

continua ..
Entre ou Cadastre-se para fazer um comentário.